app chamuscafestival bike sideshow

Educação

savaterraOTLverao

O programa de ocupação de tempos livres (OTL) promovido pela Câmara de Salvaterra de Magos, que decorreu de 25 de junho a 3 de agosto, envolveu mais de 350 crianças dos 6 a os 12 anos, residentes no concelho.

Dos mais variados jogos lúdicos ao andebol, passando pelo voleibol, dança, futebol, capoeira, petanca, judo, râguebi, caça ao tesouro, atividades aquáticas, canoagem, trampolins e ateliers de expressão plástica e dramática, houve atividades para todos os gostos ao longo das seis semanas do OTL.

A iniciativa contou ainda com ateliers de saúde, a atividade “Bombeiro por um Dia”, demonstração de meios da GNR e dos bombeiros, manhã ou tarde solidária e uma ação de sensibilização para o uso racional da água, sempre enquadradas por técnicos a área do desporto do município e elementos das entidades parceiras.

Os vários grupos visitaram ainda o Museu “Escaroupim e o Rio” e a Falcoaria Real de Salvaterra de Magos, e participaram em visitas de estudo ao Dino Parque da Lourinhã, ao Museu do Dinheiro em Lisboa, à Sumol+Compal em Almeirim, ao Parque das Nações em Lisboa, à Reserva Natural do Cavalo do Sorraia em Alpiarça e à praia.

estudantes

O novo regulamento para a concessão de apoios a alunos do ensino superior de Almeirim entrou em vigor esta terça-feira, 14 de agosto. O documento, aprovado pela autarquia em Julho, tem como objetivo principal proporcionar apoio aos estudantes que, dada a sua situação económica, não teriam possibilidade de ingressar e prosseguir os seus estudos no ensino superior.

As bolsas de estudo a atribuir pela autarquia terão um valor máximo de até 200 euros mensais, pagos num máximo de 10 meses por ano e terão de ser renovadas anualmente no período de 1 a 31 de outubro.

Podem candidatar-se à atribuição de bolsas de estudo ou apoio para transporte, os estudantes, cumulativamente, sejam residentes no concelho de Almeirim há mais de 5 anos; tenham tido aproveitamento escolar no ano letivo anterior; não sejam detentores de qualquer tipo de grau de ensino superior; apresentarem comprovativo de como solicitaram bolsa nos Serviços Sociais da Universidade e respetivo deferimento/indeferimento do serviço e não exerçam qualquer atividade remunerada cujo valor anual exceda o montante do IAS a multiplicar por 10.

Quando não seja possível atender a todos os pedidos, terão prioridade os alunos com menor rendimento líquido per capita do agregado familiar; seguindo-se os que tenham tido melhor aproveitamento escolar no ano letivo anterior. Em caso de igualdade, será considerado a melhor média de classificação final dos últimos três anos.

Consulte o regulamento completo AQUI.

entroncamentolivrosgratuitos

A Câmara Municipal do Entroncamento vai oferecer os livros de fichas aos alunos do 1º Ciclo do Ensino Básico e atribuir uma comparticipação de 30 euros aos alunos dos 2º e 3º Ciclo para aquisição de livros e material escolar, e que sejam adquiridos nos estabelecimentos do concelho.

Segundo uma nota de imprensa do município, a atribuição dos livros de fichas irá abranger cerca de 590 alunos do Agrupamento de Escolas da Cidade do Entroncamento, contemplando as áreas de língua portuguesa, estudo do meio, matemática e inglês, nos 3º e 4º anos, num valor da aquisição ligeiramente superior a 20 mil euros.

No que se refere ao apoio aos estudantes dos 2º e 3º ciclos o número estimado é de 1.040 alunos, sendo o valor do investimento de cerca de 31 mil euros.

“Este apoio é feito mediante a atribuição de um vale em nome do aluno, que estará disponível para levantamento no Gabinete de Apoio à Presidência, no edifício dos Paços do Concelho, a partir do dia 13 de agosto”, explica a nota de imprensa da autarquia.

Estes apoios são atribuídos no âmbito do programa "Estudar na Cidade", que visa “apoiar todas as famílias do concelho, independentemente da sua condição socioeconómica, no esforço da educação dos seus filhos”, acrescenta a Câmara.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis