app chamuscabanner festas coruche

Economia

nersant business2017-02

A sétima edição do NERSANT Business - Encontro de Negócio do Ribatejo, um dos maiores encontros internacionais de negócios do país, vai realizar-se em Tomar, entre os dias 15 e 17 de outubro.

De acordo com a Associação Empresarial da Região de Santarém (NERSANT), as inscrições no evento continuam abertas, esperando-se, mais uma vez, uma enorme adesão.

O evento tem vindo a ganhar escala e maturidade, tendo sido procurado por cada vez mais delegações internacionais, mas também por empresários de todo o país, que vêem no evento uma oportunidade de reunir, no mesmo espaço, com dezenas de mercados com potencial para o seu negócio.

A edição do ano passado, que decorreu igualmente no mês de outubro, em Tomar, contou com a participação de 36 delegações empresariais de todo o mundo, tendo sido realizadas, durante o evento, 1091 encontros B2B.

Nos primeiros dois dias do NERSANT Business, as empresas inscritas e credenciadas recebem o seu plano de reuniões, devendo as mesmas apresentar o seu produto ou serviço, em cada uma das reuniões, que não deverá exceder os 20 minutos. O terceiro dia é reservado para as visitas a empresas, combinadas previamente nas reuniões de negócio.

A participação no evento conta ainda com diversos momentos de networking empresarial, onde os participantes podem aproveitar para aprofundar relações profissionais, como coffee-breaks, espaços de mostras de produtos, espaços de reunião e refeições.

O NERSANT Business 2018 tem um portal de apoio, disponível em http://business.nersant.pt/, onde os interessados podem consultar mais informação inerente ao evento.

santaremaguasbairrotrigoso

A Águas de Santarém vai investir cerca de 102 mil euros na reabilitação da estação elevatória do Bairro Trigoso, junto à A1 e que serve a urbanização com o mesmo nome.

Os trabalhos, que foram adjudicados empresa Carlos Gil – Obras Públicas, Construção Civil e Montagens Elétricas, Lda., deverão arrancar ainda no início do mês de agosto, e têm um prazo de execução previsto de 120 dias.

Segundo um comunicado da Águas de Santarém, a intervenção é justificada pelo facto da atual estrutura ter alcançado o seu fim de vida útil e apresentar um funcionamento deficiente.

“Urge intervir na sua reabilitação, dotando-a de maior modernidade e eficiência, e proporcionando respostas técnicas e ambientais mais evoluídas e mais amigáveis, nomeadamente ao nível da eficiência energética”, explica o mesmo comunicado.

Também ainda em agosto, a empresa municipal vai avançar para a execução de duas novas captações de água subterrânea, em Vaqueiros e na cidade de Santarém.

A empreitada está a cargo da empresa Sondagens Casal, Lda., por um valor que ronda os 177 mil euros, com um prazo de execução de 30 dias.

Os furos são uma “medida preventiva e de controlo e regulação dos recursos disponíveis, que permitam uma continuidade do serviço de abastecimento de água em quantidade e qualidade”, explica a Águas de Santarém.

nersantcallempresascentro

A Nersant está a dar apoio à preparação e qualificação dos projetos das empresas do Centro e Alentejo as candidaturas à Call For MVP, nas áreas de Digital e Engineering & Manufacturing.

“Esta iniciativa possibilita o acesso a investimento de capital de risco para projetos inovadores de tecnologias, produtos ou serviços que prevejam a valorização de um MVP e sua comercialização no mercado global”, explica uma nota de imprensa da associação empresarial, que integra a rede de parceiros da Portugal Ventures para a iniciativa.

que acrescenta que os

“Os projetos selecionados beneficiarão de um investimento mínimo de 300 mil euros, que pode ascender a 1 milhão de euros”, acrescenta a Nersant, informando que as candidaturas estão abertas até 1 de outubro.

“Os projetos candidatos à Call For MVP serão validados por painéis de avaliação, compostos por peritos empresariais, nacionais e internacionais”, adianta a mesma nota, onde se lê que “as empresas têm que ser detentoras do Estatuto de Pequenas e Médias Empresas, comprovado através de Certificação Eletrónica da PME emitida pelo IAPMEI”.

Os projetos selecionados para investimento beneficiarão de um montante mínimo de 300 mil euros que pode ascender a 1 milhão de euros, do acompanhamento próximo da equipa da Portugal Ventures na gestão e nas decisões estratégicas, do aconselhamento por especialistas, nacionais e internacionais, com experiência acumulada no desenvolvimento do negócio e da partilha de uma vasta rede de contactos, em Portugal e no estrangeiro, para potenciação de oportunidades de negócio e angariação de capital em futuras rondas.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis