chamusca appmicromineiro keepcalm

Economia

turismonersant

A primeira sessão de formação-ação da Nersant no âmbito do “Melhor Turismo 2020” realiza-se no próximo dia 13 de fevereiro, já com 30 empresas inscritas, dos setores do alojamento, restauração, agências de viagens e atividades desportivas e de lazer, entre outras.

“Diversificar a oferta e contribuir para a afirmação da região do Ribatejo como destino turístico de referência, modernizando os modelos de negócios, a organização e as práticas de gestão são alguns dos resultados esperados no âmbito da participação neste projeto de consultoria”, explica uma nota de imprensa da Nersant, onde se explica que o “Melhor Turismo 2020” permite a qualificação das empresas do setor do turismo com financiamento a 90%.

O projeto, que contempla formação e consultoria nas empresas, visa capacitar as PME´s na qualificação dos seus serviços turísticos, assim como “aumentar a capacidade de gestão das empresas participantes, promover a reorganização, a inovação e a qualificação de recursos humanos em domínios relevantes e, sobretudo, adequados a cada empresa”.

torresnovasgeracaomilennials

No âmbito do projeto “Agrocapacita”, o Agrocluster Ribatejo está a elaborar um estudo sobre a chamada geração “Millennials”, uma geração digital-nativa que se caracteriza por ser a primeira de caráter global, com tendências de consumo bastante específicas.

Neste estudo, que será apresentado em duas sessões públicas durante o mês de abril, “serão dados a conhecer comportamentos de compra e consumo próprios desta geração, caracterizada por ter acesso constante e imediato a informações importantes no âmbito da compra: são consumidores que comparam preços, procuram informação e opiniões sobre os produtos, visitam lojas online e físicas”, explica uma nota de imprensa da Nersant.

Esta geração, que tem hoje entre os 18 e os 34 anos, prepara-se para, no curto prazo, constituir a maior do planeta, representando 1/4 da população total e 75% da força de trabalho, sendo ainda responsável por mais de 50% das despesas de consumo globais.

“As empresas não podem ficar indiferentes ao tipo de consumidor moderno que estas pessoas constituem”, salienta a mesma nota.

O Agrocapacita, financiado pelo Alentejo 2020, é um projeto que serve para preparar as empresas do setor agroalimentar para enfrentar os desafios que decorrem de dinâmicas de mercados altamente exigentes e competitivos, exigindo um esforço de inovação crescente, para o qual o acesso à informação é fator crítico de sucesso, com recurso a informações sobre as tendências de consumo avaliadas num grupo restrito e atualmente estratégico neste grupo de consumidores.

entroncamentoETARnova

Carlos Martins, o secretário de Estado do Ambiente, vai estar presente na inauguração da nova Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) do Entroncamento, que está marcada para a próxima segunda-feira, 30 de janeiro, às 11h30.

Segundo uma nota de imprensa da Câmara do Entroncamento, este equipamento está preparado para servir cerca de 25 mil habitantes, “recorrendo às mais modernas tecnologias”.

O esquema de tratamento “baseia-se num sistema de tratamento biológico, tratamento secundário por lamas ativadas, operado em regime de arejamento prolongado”, explica a mesma nota, que acrescenta que “com o objetivo de reutilizar parte do efluente tratado como água de serviço da ETAR, uma parte do efluente é sujeito a tratamento terciário”.

A cerimónia de inauguração vai também contar com a presença presidente do Conselho de Administração da EPAL, José Sardinha.

Desert Challenge 2017