chamusca latitude4micromineiro slide

Economia

frutos vermelhos

A empresa "Maravilha Farms", que se dedica à produção e comercialização de frutos vermelhos prevê investir 19 milhões de euros nos próximos cinco anos para duplicar a área de produção e o concelho de Almeirim é um dos locais que está a ser avaliado para a realização desse investimento.

Em declarações à agência Lusa, Luís Pinheiro, diretor geral da empresa atualmente instalada nos concelhos de Odemira, no Litoral Alentejano, e Tavira, no Algarve, destacou as condições ao longo de quase todo o ano para a produção de frutos vermelhos no concelho de Odemira, na zona da Zambujeira do Mar, mas revelou que a empresa está a analisar outras duas regiões possíveis para instalar projetos de mirtilo, como é o caso da zona de Almeirim, no distrito de Santarém, e do Alqueva, no interior do Alentejo.

"Iremos fazer investimentos nos próximos cinco anos na ordem dos 19 milhões de euros, com aproximadamente uma duplicação das áreas produtivas em relação ao que temos hoje", referiu à Lusa, acrescentando que tem a ambição de tornar a Maravilha Farms no "maior produtor europeu de pequenos frutos".

Com cerca de 150 hectares de produção de framboesas, amoras e mirtilos, a empresa terminou o ano de 2016 com uma faturação superior a 19,5 milhões de euros e estima atingir, com os investimentos que quer lançar, um volume de negócios os 50 milhões de euros nos próximos cinco anos.

Atualmente, a Maravilha Farms emprega cerca de 700 trabalhadores e 98% da produção da empresa destina-se ao Reino Unido, Irlanda, Alemanha, países nórdicos e do Benelux.

arroz

A Câmara de Benavente vai realizar este fim de semana, de 19 a 21 de maio, o primeiro Festival do Arroz Carolino das Lezírias Ribatejanas, uma iniciativa que pretende aproveitar este produto endógeno para criação de produtos turísticos no concelho.

O festival envolve um vasto número de iniciativas, incluindo a presença de 11 chefes na tenda que será instalada no campo da feira de Samora Correia, espaço que terá ainda street food, esplanadas, áreas de artesanato e exposições.

Do programa de animação do festival destacam-se as atuações de António Zambujo (sexta-feira), The Gift (sábado) e Virgul (domingo), além de espetáculos de dança, folclore e teatro. No domingo realiza-se a “corrida/caminhada do arroz” na Rota das Lezírias, que liga Benavente a Samora Correia.

Na apresentação da iniciativa, o presidente da Câmara de Benavente, Carlos Coutinho, salientou a importância do festival na construção do Plano Estratégico de Valorização e Comunicação Turística do concelho e na estruturação da oferta turística em que o arroz carolino produzido na zona surge associado ao rio Tejo, ao montado, à várzea, à lezíria, ao cavalo, ao touro, e ao golfe.

Segundo o plano, e numa estratégia a dez anos, o arroz é apontado como um dos produtos essenciais para criar a marca “Benavente, terra do arroz carolino”, que além do festival, será potenciada por um centro de interpretação, um mercado do arroz (para exposição, degustação e venda), a musealização “in loco”, a criação de um blogue com receitas, a divulgação pelo mundo em viagens com sabores e o recurso às novas tecnologias.

Conheça o programa de todas as atividades AQUI.

torresnovasBAUcolombia

A BAU Special Solutions, de Torres Novas, vai apresentar oficialmente uma nova empresa do grupo que fornecerá serviços especializados ao mercado da Colômbia na “Expo Construcción y Diseño”, que decorre em Bogotá, capital deste país da América do Sul, entre os dias 16 e 21 de maio.

“Os nossos objetivos principais são mostrar que temos para oferecer um serviço integral aos nossos clientes e corresponder às necessidades do mercado colombiano da reabilitação, da reparação, da impermeabilização e das obras especiais”, explica uma nota de imprensa da BAU, que vai marcar presença neste certame no stand de Portugal, no hall 4, pavilhão 4, stand 104.

Na feira de Bogotá, para além da apresentação da nova empresa, a BAU marca presença enquanto especialista na aplicação de sistemas inovadores homologados pelos mais importantes fabricantes mundiais de químicos, nomeadamente, de materiais para todo tipo de impermeabilizações, reparação e reforço de estruturas, tratamento de superfícies, e impermeabilizações de todo o tipo de estruturas.

“Proporcionamos valor excecional e sustentado aos clientes que querem renovar ou reabilitar as suas estruturas e edifícios”, conclui Jorge Rolão Fonseca, diretor geral da BAU Special Solutions.

XTerra Golegã - Fotos Carlos Simões