chamusca ehtoiromicromineiro slide

Categoria: Economia

IMAGEM DE ARQUIVO / ILUSTRATIVA

O Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI) tomará no início de março uma decisão final sobre o encerramento da Fabrióleo - Fábrica de Óleos Vegetais, situada em Torres Novas, estando em análise a contestação da empresa à decisão de encerramento.

A informação é da agência Lusa, que cita uma posição oficial do IAPMEI, que esclarece que o prazo para as várias entidades se pronunciarem sobre a informação prestada pela empresa no exercício do contraditório à decisão de encerramento da exploração, tomada na sequência de uma vistoria realizada no passado dia 23 de janeiro e anunciada no início deste mês, termina no final de fevereiro.

A empresa continua a contestar as críticas de que é a única poluidora da Ribeira da Boa Água e alega a existência de mais de 50 fontes poluentes.

No entanto, na passada semana, a Câmara de Torres Novas voltou a não dar provimento ao pedido de Declaração de Interesse Municipal (DIM) da Fabrióleo, por a pretensão já ter sido anteriormente rejeitada e estar a decorrer uma ação interposta empresa contra essa decisão.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis