chamusca bibliotecatecfresh2018 slide

Desporto

chamusca caminhada

Cerca de uma centenas de pessoas participaram no dia 22 de setembro na Caminhada da Aventura, uma atividade integrada no projeto Chamusca ComVida organizado pela autarquia chamusquense desde 2014.

Com partida no Miradouro do Almourol, no Arripiado, a caminhada foi realizada em plena natureza, utilizando trilhos, passando por pontes e ribeiros, podendo ainda realizar alguns troços em corrida tipo "trail" e também algumas estações onde o desafio físico poderia ser mais intenso com o transporte de "pesos" ou a transposição de "barreiras".

Com as paisagens da Ribeira da Foz e das encostas do Castelo do Almourol, sempre como cenário, os cerca de 100 participantes envolveram-se com muito entusiasmo nesta caminhada, que funcionou com dois grupos, onde um grupo realizou o percurso de forma mais intensa e outro onde o passeio e o disfrutar das paisagens envolventes foi o principal objetivo.

O autarquia considera que o projeto Chamusca ComVida tem-se mostrado uma excelente iniciativa na promoção da prática de atividade física e de um estilo de vida saudável possibilitando o exercício em família para todas as idades.

Cláudia Moreira, vereadora com o Pelouro do Desporto no Município da Chamusca, afirma que “foi uma caminhada diferente, e que mostrou que conseguimos fazer mais e melhor com os recursos que temos”.

“O Projeto, apesar de já não ser novo, tem muita adesão por parte do público, e é esse o nosso objetivo, marcar pela diferença, estimular um estilo de vida saudável junto dos nossos munícipes e visitantes”, afirmou

Recorde-se que o Município da Chamusca já foi distinguido como modelo de intervenção no desenvolvimento desportivo pela Associação Portuguesa de Gestão de Desporto, com a atribuição do Galardão Município Amigo do Desporto, um reconhecimento pelo apoio e incentivo à prática desportiva, às atividades outdoor e no geral, ao conceito de vida saudável.

almeirimpaisdesportistas02

A Câmara Municipal de Almeirim está a lançar o projeto “Pais de desportistas são pais responsáveis”, e que visa incentivar à adoção de comportamentos cordatos e civilizados por parte dos familiares dos atletas jovens durante as competições desportivas. No limite, a autarquia reserva-se mesmo ao direito de suspender os apoios financeiros aos clubes ou eventos desportivos onde sejam reportados comportamentos antidesportivos graves, dentro ou fora dos recintos de jogo.

As penalizações serão decididas após a análise dos relatórios das equipas de arbitragem ou de funcionários da própria autarquia que estejam de serviço nos equipamentos desportivos do município. “É tempo de dizer basta a comportamentos que em nada dignificam o desporto e prejudicam gravemente os jovens”, explica Pedro Ribeiro, o presidente da Câmara Municipal de Almeirim. “Queremos fazer parte da solução, já que quem o devia fazer ao nível das federações e do Estado central não o faz, mas não deixaremos de penalizar quem não se sabe comportar”, garante o autarca.

O projeto foi lançado depois de todos os clubes do concelho com formação de atletas terem sido auscultados, e o regulamento estende-se também aos respetivos dirigentes. Para já, a Câmara lançou um folheto informativo onde estão descritas as 10 regras que os pais devem seguir sempre que vão assistir às provas desportivas dos filhos. “A educação e a cultura desportiva precisam de pais positivos, exemplares e participativos. Por isso, durante a competição, não dê espetáculo, deixa o seu filho brilhar”, lê-se, por exemplo na 9ª regra.

rui patricio marco chagas

O advogado ribatejano Rui Patrício, considerado um dos melhores do país e presença assídua em alguns dos casos mais mediáticos da justiça portuguesa, vai fazer parte da nova equipa independente de patrocínio judicial e aconselhamento jurídico estratégico do Sport Lisboa e Benfica.

Esta nova equipa, anunciada esta terça-feira, 25 de setembro, inclui, além de Rui Patrício, os advogados João Medeiros e Paulo Saragoça da Matta, e tem como principal missão ampliar o apoio jurídico ao SL Benfica, tendo em conta os vários processos que envolvem o clube encarnado.

Natural de Santarém, Rui Patrício, de 46 anos, cresceu e fez a escola primária na freguesia de Alcanhões, onde residiu até aos 15 anos. Depois de ter passado, no ensino preparatório, pela escola Mem Ramires, e de ter concluído o ensino secundário no antigo Liceu Sá da Bandeira, rumou à capital, onde concluiu o curso de direito na Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa, em 1994. Em 1999, atingiu o grau académico de mestre em ciências jurídico-criminais, altura em que já leccionava na universidade onde se formou.

Filho de Francisco Patrício, ex-presidente da Junta de Freguesia da Póvoa da Isenta e ex-dirigente associativo, Rui Patrício é, desde 2005, sócio da sociedade de advogados Morais Leitão, Galvão Telles, Soares dos Santos & Associados, onde entrou em 1994 como estagiário, e onde tem feito toda a sua carreira profissional.

MARCO CHAGAS CONSULTOR DO SPORTING

Outro ribatejano que assumiu funções ligadas ao outro "grande" de Lisboa é Marco Chagas, ex-ciclista e ex-diretor desportivo de várias equipas portuguesas, atual comentador de ciclismo da RTP, que foi anunciado como consultor do Sporting para o ciclismo.

"Sinto-me muito honrando. É uma responsabilidade e estou aqui para ajudar o departamento das modalidades. Só penso em trabalhar para o futuro do ciclismo deste grande clube", referiu o antigo ciclista, natural de Pontével, no Cartaxo, ao site do clube leonino.

Segundo o jornal "Record", o Sporting e o Clube de Ciclismo de Tavira têm acordo por mais um ano (2019), e a partir daí deverão seguir rumos diferentes, ou seja, o clube de Alvalade deverá manter o ciclismo, mas com um projeto próprio, pelo que a ‘contratação’ de Marco Chagas insere-se já neste enquadramento

Marco Chagas é um dos melhores ciclistas portugueses de todos os tempos. Entre os seus muitos títulos está a vitória em quatro Voltas a Portugal em Bicicleta, duas das quais pelo clube de Alvalade.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis