chamusca princepezinhocms banner carnaval

fatima 2019

A administração do CD Fátima, SAD reconheceu esta quarta-feira, 2 de janeiro, que o clube tem algumas situações de atrasos a fornecedores, senhorios e até mesmo aos profissionais da sociedade anónima desportiva, jogadores incluídos, mas diz que a situação está controlada.

Em comunicado, é reiterada a confiança do principal investidor e presidente do conselho de administração, e recordado que este ano não seria o ano por lutar pela subida de divisão, mas sim de valorizar os mais jovens para que esses, no futuro, façam parte da equipa e, aí sim, subir de divisão.

Com um orçamento de 300 mil euros para a presente temporada, valor que contempla deslocações, aluguer do estádio, apartamentos, fornecedores, segurança social, finanças, salários, o clube diz que na segunda volta quer fazer melhor do Campeonato de Portugal, onde ocupa o décimo lugar na Série C.

TREINADOR CONTINUA

No mesmo comunicado, a administração reafirma a confiança e a disponibilidade do treinador Nuno Kata para continuar a trabalhar com a equipa, apesar do mesmo ter colocado o lugar à disposição, após o último jogo.

"É nossa vontade e a dos jogadores em continuar com o treinador e com a atual equipa técnica, fazendo votos que as alterações que se seguirão agora, em janeiro, sejam profícuas ao nosso projeto desportivo", pode ler-se no comunicado

Simulacro da Proteção Civil no Entroncamento - Fotos: José Neves