app chamuscabanner festas coruche

Cultura

salvaterraconcursopintura

FOTO ILUSTRATIVA | ARQUIVO

A Câmara Municipal de Salvaterra de Magos está a lançar a 3ª edição do prémio “Infante D. Luís às Artes”, uma iniciativa aberta a trabalhos de pintura, e que tem por objetivo estimular o desenvolvimento da atividade artística no concelho.

O concurso destina-se, segundo uma nota de imprensa da autarquia, a todos os artistas nacionais e estrangeiros, residentes no território nacional, em que os “temas e as técnicas de execução das obras apresentadas são livres”.

Até ao próximo dia 31 de agosto, cada autor pode apresentar o máximo de dois trabalhos a concurso, desde que sejam originais e não premiados noutros concursos.

Os trabalhos serão avaliados por um júri que inclui um representante do município e professores da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e do Instituto Politécnico de Lisboa.

As duas primeiras edições contaram com a participação de mais de duas centenas de artistas de vários pontos do país.

entroncamentojoaofeexposicao

“Visualmente”, da autoria de João Fé, é o nome da exposição de fotografia surrealista que vai estar patente na galeria municipal do Entroncamento, entre os dias 11 e 23 de agosto.

Natural de Portalegre, João Fé reside há muitos anos no Entroncamento, onde desde cedo mostrou interesse pelo desenho, fotografia e pintura, que sempre fizeram parte da sua vida.

Influenciado pelo crescente número de artistas a utilizar o computador no apoio das suas criações artísticas e a internet para divulgar as mesmas, o artista resolveu publicar alguns trabalhos que fizera, e que tiveram uma boa aceitação por parte do público.

No seu trabalho, a fotografia, o desenho e a pintura são mesclados com recursos informáticos, usando texturas para adicionar drama e expressão, e criando imagens e paisagens surreais e abstratas.

sardoalaladosnamorados

O grupo Ala dos Namorados é o cabeça do cartaz musical da próxima edição das Festas do Concelho do Sardoal, que se realizam entre os dias 21 e 23 de setembro.

Do programa, que aposta numa programação musical diversificada para atrair vários tipos de públicos, constam também um concerto de Melech Mechaya e o espetáculo "Fadoando", que junta em palco conceituados fadistas

Cabe precisamente ao explosivo e irreverente quinteto português, apelidado de “rei da alegria”, abrir as hostilidades das festas do concelho, no dia 21, levando ao Sardoal as sonoridades dos álbuns “Melech Mechaya”, “Budja Ba”, “Aqui em Baixo Tudo é Simples”, “Gente Estranha” e “Aurora”, que misturam música árabe, jazz, tango e fado.

A comemorar 25 anos de carreira, a banda liderada pela dupla Nuno Guerreiro e Manuel Paulo sobe ao palco no sábado, 22, e promete revisitar alguns dos seus temas de sucesso, como “Loucos de Lisboa”, “Caçador de Sóis” e “Solta-se o beijo”, entre temas mais recentes.

No dia 23 de setembro, o palco principal das festas recebe o espetáculo "Fadoando", que junta em concerto Teresa Tapadas, António Pinto Basto, Maria Ana Bobone, Rodrigo Costa Félix e Mafalda Arnauth.

Partida em Coruche do Grande Prémio de Ciclismo Abimota - Fotos: João Dinis