chamusca appcoruche sabores-tasquinhas

Cultura

santaremexpomiudosabril

“25 de Abril: A Revolução dos Cravos” é o nome da exposição que reúne trabalhos de alunos de cinco turmas do 6º ano da Escola Alexandre Herculano, em Santarém, que vai estar patente na sala de leitura Bernardo Santareno entre os dias 16 e 30 de abril.

“Esta mostra de trabalhos alusivos ao 25 de Abril, realizados pelos alunos das turmas A,B,C,D e E, com o apoio dos encarregados de educação, foram realizados no âmbito dos conteúdos programáticos da disciplina de história e geografia de Portugal, e coordenados pelas professoras Ana Bettencourt e Mafalda Grego”, explica uma nota de imprensa da Câmara de Santarém.

Nesta exposição são utilizados diversos suportes de trabalho, tais como maquetes, cartolinas e materiais diversificados, que contam a história do 25 de Abril ou que retratam cenas específicas da Revolução dos Cravos, explica a mesma nota.

Esta mostra faz parte do programa oficial das comemorações do 25 de Abril em Santarém, organizadas pela autarquia e pela Comemorações Populares do 25 de Abril – Associação Cultural.

25abril salvaterra

As comemorações do 44º Aniversário do 25 de Abril em Salvaterra de Magos, que decorrem de 21 de abril a 5 de maio, dinamizadas pela Câmara Municipal, em parceria com as juntas de freguesia, associações, coletividades e comissões de festas do concelho, têm este ano como tema "A Mulher Portuguesa – Do Estado Novo à Constituição de 1976”.

No dia 25 de abril, às 11h30, será inaugurada na Biblioteca Municipal de Salvaterra de Magos a exposição “Itinerários de conquistas e direitos das Mulheres”, cedida pelo Movimento Democrático das Mulheres (MDM) contando com a presença de Sandra Benfica, membro da direção do MDM.

Antes (10h30), irá decorrer uma sessão solene da Assembleia Municipal, na Praça da República, em Salvaterra de Magos, precedida de uma arruada pela Banda da Associação Cultural e Musical de Salvaterra de Magos.

A Câmara Municipal vai também organizar, no dia 24 de abril, pelas 21h30, na Casa do Povo de Glória do Ribatejo, o concerto “Cantigas de Abril” com a participação de Zé Foguete, Elias Oliveira, Tó Grencho, Manuel Monteiro e Nuno Silva.

A Biblioteca Municipal de Salvaterra de Magos recebe depois, a 5 de maio (16h00), a apresentação do livro “Mulheres na Clandestinidade”, de Vanessa Almeida.

No Mercado de Cultura de Marinhais continua patente, até 4 de maio, a exposição de pintura “Mulheres”, de Hana Tischler.

Inserido no programa das comemorações, haverá também no dia 21 de abril (10h00) mais uma edição do projeto Praça ComVida no Mercado Municipal de Salvaterra de Magos e no dia 22 de abril (16h00) a inauguração da exposição “Reflexos de uma consciência cósmica” na Falcoaria Real. No dia 23 de abril, Dia Mundial do Livro (10h), a Festa da Leitura vai estar na Biblioteca Municipal de Salvaterra de Magos com a realização do apuramento da fase concelhia do Concurso Nacional de Leitura.

De 21 de abril a 5 de maio irão também decorrer diversas iniciativas organizadas pelas juntas de freguesia, associações, coletividades e comissões de festas do concelho, que contam com o apoio da Câmara Municipal.

Pode consultar o programa completo em www.cm-salvaterrademagos.pt.

porta com porta

Os conhecidos atores Sofia Alves e João de Caravalho, sobem ao palco do Cineteatro da Chamusca no dia 20 de abril, sexta-feira, às 21h00, com a peça "Porta com Porta", uma obra de Lázaro Matheus e direção de Celso Cleto.

Porta com Porta conta a história de Rute (Sofia Alves), uma mulher independente com cerca de 40 anos, que decide comprar um apartamento novo num edifício de prestígio. Tudo parecia correr bem até conhecer o vizinho do lado, Tony (João de Carvalho).

De facto, Tony, com cerca de 55 anos está muito longe de ser o vizinho ideal para Rute… E os problemas acontecem logo no primeiro encontro.

Estes são os ingredientes duma saborosa receita cultural que através dum conflituoso e divertido jogo entre vizinhos, promete mais um serão de prazer teatral no Cineteatro da Chamusca, que continua a receber grandes nomes do teatro português.

A peça tem a duração de uma hora e destina-se a maiores de 12 anos. Os bilhetes custam 10 euros e podem ser adquiridos no balcão único, juntas, polos e uniões de freguesia e, na Ticketline.

Cerimónia de Apresentação Santarém Cup 2018