chamusca baguncadabanner tasquinhas2017

Cultura

avinho

O conjunto feminino de música tradicional “Sete Saias”, na sexta-feira, à meia noite, e o conhecido grupo “Os Azeitonas”, no sábado, à mesma hora, são os principais nomes do cartaz musical da Ávinho - Festa do Vinho e das Adegas, que se realiza de 7 a 9 de abril em Aveiras de Cima, no concelho de Azambuja.

Festa de cariz popular organizada pela Câmara de Azambuja, Junta de Freguesia de Aveiras de Cima e “Associação Vila Museu do Vinho”, a Ávinho tem como grande característica o facto de, por apenas 2,50 euros, o visitante poder adquirir uma caneca de barro alusiva ao evento, que lhe dá acesso a provar, gratuitamente, todos os vinhos na dezena e meia de adegas privadas participantes na iniciativa.

Nestes dias, os produtores abrem as suas portas com a arte de bem receber, e também partilhando alguns segredos do bom vinho ribatejano que produzem.

Mas porque nem só de vinho se faz a festa, haverá várias barraquinhas com apetitosos petiscos e doces nas ruas integradas no certame.

Voltando à animação, a Festa do Vinho e das Adegas vai ter fado amador itinerante pelas adegas, sexta a partir das 21h00, e ainda um desfile etnográfico demonstrativo d’ “O Ciclo do Vinho”, às quatro da tarde de sábado.

Todas as atividades da Ávinho têm entrada livre. O programa do evento arranca às 18h00 de sexta-feira, com a cerimónia da abertura oficial na Praça da República, seguindo-se as primeiras visitas às adegas com a tradicional oferta de febras, pão e vinho; e a animação de rua com bandinhas populares.

abrantesraquelochoa

A escritora Raquel Ochoa vai estar na biblioteca municipal António Botto, em Abrantes, no dia 23 de março, pelas 18 horas, para apresentar o seu livro “O vento dos outros”, seguido de uma tertúlia sobre escrita de viagens.  

O livro é um relato de uma viagem à América do Sul feita pela cronista de viagens, que publica impressões sobre os vários cantos do mundo no seu blog www.omundoleseaviajar.blogspot.com.

Em 2009, Raquel Ochoa venceu o Prémio Agustina Bessa-Luís com o romance "A Casa-Comboio”, tendo também publicado outras obras como os romances “Mar Humano”, “As Noivas do Sultão”, “A Infanta Rebelde” – biografia da Infanta D. Maria Adelaide de Bragança”, ou “Sem Fim à Vista – a Viagem”, entre outros.

Em 2017, é a escritora convidada a “residir” em Abrantes, ficando alojada na residência artística de 17 a 22 de abril, para escrever sobre a cidade.

santaremromeirateatro

O CITAR - Grupo de Iniciação Teatral e Animação da Romeira vai apresentar a peça “A Estalajadeira” nos próximos dias 24 e 25 de Março, pelas 21h30, na sociedade recreativa desta freguesia do concelho de Santarém.

Esta será segunda peça encenada por este grupo amador fundado a 2 de abril de 2015, e que se estrou em palco precisamente um ano depois, com o espetáculo “O Fidalgo Aprendiz”.

“A Estalajadeira” é uma peça “dedicada à força e inteligência das mulheres”, explica o próprio CITAR, acrescentando que se trata de “uma comédia de pretendentes, quatro homens e uma mulher, todos eles apaixonados por ela”.

Apoiado pela Sociedade de Recreio e Educativa (SRE) da Romeira, este grupo amador pretende criar e trazer cultura aos meios mais pequenos, convidando a uma confraternização inter-geracional e inclusiva, onde todas as pessoas, independentemente da sua idade ou limitações, possam fazer parte do mundo do teatro.

Balonismo em Coruche - Fotos João Dinis