chamusca ascensao2017fna2017

Notícias Breves

Breves

“Os desafios do poder local” é o tema central de um debate que a Federação Distrital de Santarém do PS vai realizar no próximo dia 26 de maio, a partir das 21 horas, na Praça do Peixe, em Torres Novas.

Esta iniciativa conta com a presença de Duarte Cordeiro, vice-presidente da Câmara de Lisboa, Pedro Ferreira, presidente da Câmara de Torres Novas, e Hugo Costa, deputado e coordenador do gabinete de estudos da federação socialista ribatejana.

O professor Alexandre Bento, da associação “Músicos Associados - Escola de Jazz e Música Moderna", vai dar um workshop de introdução à improvisação no próximo domingo, 21 de maio, às 16 horas, no Fórum Actor Mário Viegas do Centro Cultural Regional Scalabitano (CCRS).

Esta iniciativa é dirigida sobretudo a estudantes de música e músicos amadores de todas as idades, e a participação tem um custo de 5 melodias.

A zona urbana da vila de Constância vai receber cerca de 400 atletas para disputar a prova de sprint do campeonato nacional de orientação, que se realiza no próximo sábado, 20 de maio, a partir das 8 horas.

No domingo seguinte, dia 21, o concelho vizinho de Abrantes vai acolher a prova de distância longa, num campeonato que é organizado pelo CLAC – Clube de lazer, Aventura e Competição do Entroncamento, em parceria com a Federação Portuguesa de Orientação.

No âmbito do dia internacional dos museus, a Câmara Municipal e o Museu de Arte Pré-Histórica de Mação vão realizar um passeio pedestre com visita guiada às gravuras rupestres do Vale do Ocreza no próximo sábado, 20 de maio, a partir das 8 horas.

As inscrições para este passeio, que tem um percurso de 14 quilómetros de dificuldade elevada, estão abertas a um máximo de 50 participantes e podem ser feitas pelo telefone 241 571 477 ou através do email Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. .

O antropólogo Aurélio Lopes vai apresentar o seu livro “A 13 de Maio na Cova da Iria” no próximo dia 20 de maio, às 16 horas, na sala de leitura Bernardo Santareno, em Santarém

A obra, com cerca de 280 páginas, debruça-se sobre a problemática das aparições de Fátima numa perspetiva antropológica, passando pela análise das razões sociais, culturais e políticas que desencadearam os fenómenos, e a idiossincrasia dos videntes, entre outras questões.

Balonismo em Coruche - Fotos João Dinis